Clube de Leitura “Professor João Garcia Furtado”

O Clube de Leitura “Professor João Garcia Furtado” é um projeto de incentivo à leitura, desenvolvido pela Academia de Letras, Ciências e Artes Perimiriense (ALCAP), que objetiva fomentar a leitura na comunidade, como uma prática social e contribuir para a formação de uma nova geração de leitores.

O projeto consiste na realização de encontros bimestrais entre membros do clube, para conversar, refletir e expor suas ideias sobre um determinado livro. Semestralmente, o clube seleciona entre os livros já debatidos, um livro para um debate aberto ao público.

Quem foi João Garcia Furtado?

João Garcia Furtado foi professor, nasceu em Peri-Mirim-MA, em 15 de setembro de 1944 e faleceu em 24 de junho de 1993. Iniciou seus estudos em Peri-Mirim e concluiu em São Luis-MA, onde formou-se Bacharel em Letras Modernas pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Foi professor e Diretor no “Ginásio Bandeirante” em Peri-Mirim, professor de língua portuguesa, literatura luso-brasileira e história em várias escolas em São Luís e professor em cursinhos preparatórios para o vestibular. Foi fundador, administrador e professor no Cursinho Papa João Paulo, ofertando bolsas de estudos aos alunos que se destacavam e não possuíam condições de arcar com as despesas do curso. Foi ainda secretário e tradutor de cursos agrícolas pela Caritas Brasileira (órgão ligado ao Vaticano). Falava e escrevia fluentemente francês, inglês, espanhol, latim e italiano e estava se adaptando ao russo.

Fundou a Associação dos Filhos de Peri-Mirim (ASFIP) no dia 27/09/1987 com sede na Rua Rio Branco, nº 276, Centro e Conjunto Newton Bello, Quadra B, Casa 12 AL, São Luís-MA. Sendo nomeado vice-presidente da associação. Criou o Jornal na ASFIPE, onde publicava os seus pasquins denunciando a política perimiriense, escreveu contos, poemas e crônicas. Teve publicações em jornais como O Estado do Maranhão e revistas como ISTOÉ, tendo sido considerado um dos melhores professor do Maranhão. Iniciou seu primeiro livro, porém, faleceu antes de conclui-lo.

No município de Peri-Mirim, o prédio da Escola Municipal do povoado Tucunzal e o farol da educação no bairro Campo de Pouso levam seu nome como homenagem. Contribuiu para com o município não somente na área da educação, pois ajudava na saúde, administração, ministrava aulas de catecismo durante a noite em alguns povoados, como Tucunzal, Santa Maria. É homenageado pela ALCAP, sendo Patrono da cadeira 26, do confrade Diêgo Nunes Boaes.

Justificativa do projeto

A pesquisa “Retratos da Leitura no Brasil”, realizado no ano 2015, constatou que 104,7 milhões de brasileiros, ou seja, 56% da população são leitores, enquanto 83 milhões de pessoas, ou 44% da população,  são considerado não-leitores. Para a pesquisa “leitor” é aquele que leu, inteiro ou em partes, pelo menos um livro nos últimos 3 meses anterior à pesquisa e o “não leitor” é aquele que declarou não ter lido nenhum livro nos últimos 3 meses, mesmo que tenha lido nos últimos 12 meses. Além disso, a média de leitura por habitante/ano ainda é baixa. Segundo a pesquisa, o brasileiro lê 4,96 livros por ano, sendo a região nordeste com o menor índice (3,93 livros/ano). A pesquisa identificou uma tendência desde de 2007: quanto maior a escolaridade e a renda, maior é o hábito de leitura de livros, assim como também é maior entre aqueles que ainda são estudantes. Estes últimos, sobretudo pela leitura de livros indicados pela escola, didáticos ou literatura.

Diante disso, é de fundamental importância desenvolver projetos de incentivo à leitura, que amplie as práticas promotoras do acesso e democratização da leitura e contribua para a formação de uma nova geração de leitores. Formar leitores não é uma tarefa fácil, mas a ALCAP pode contribuir nesse processo promovendo rodas de leitura, que envolvam crianças, jovens e adultos, tornando o ato de ler uma atividade muito mais prazerosa e enriquecedora.

Objetivo Geral

O Clube de Leitura tem como objetivo fomentar a leitura na comunidade como uma prática social e contribuir para a formação de uma nova geração de leitores.

Objetivos Específicos

  • Exercitar a leitura para formação do senso crítico e da cidadania;
  • Envolver e conscientizar a comunidade local sobre a importância do ato de ler;
  • Desenvolver um profundo interesse pela leitura;
  • Ampliar as práticas promotoras do acesso e da democratização da leitura;
  • Incentivar a leitura e formação de novos leitores;
  • Possibilitar a vivência de emoções e o exercício da fantasia e da imaginação por meio da leitura e interpretação de obras lidas.

Público-Alvo

O público-alvo do projeto constitui-se por membros e amigos da ALCAP e a comunidade local.

Metodologia

A metodologia consiste na seleção pelos membros do clube de uma obra literária a ser debatida em encontros bimestrais. Após cada encontro, uma resenha elaborada por um membro do clube é publicada no Jornal O Regaste. Semestralmente, o grupo seleciona entre os livros já debatidos no clube, um livro para um debate aberto ao público.

Divulgação

Divulgação nas escolas e mídias sociais.

Projeto idealizado e escrito por Jessythanya

One Reply to “Clube de Leitura “Professor João Garcia Furtado””

Deixe uma resposta